Janela aberta mostrando uma paisagem vivida em contraposição com o quarto em primeiro plano

pelo resgate da alma

Ou, que daria o homem pelo resgate da sua alma? Marcos 8:37

Nossos dias são tão cheios de atividades, são inúmeras as preocupações que nos ocupam a mente e tiram o nosso sossego, andamos quase como os “zumbis” das séries de televisão, sem rumo, sem consciência das coisas que estão ao nosso redor, perseguindo um desejo, no caso dos zumbis transformar outros seres humanos em zumbis, saciando a sua fome por carne fresca, no nosso caso procurando satisfazer nossos próprios desejos.
O que tudo isso tem com o ser cristão? Tudo, pois muitos de nós vivemos em nossos “mundinhos”, desejando e pedindo ao Todo Poderoso, por bens e posses, sucesso e fama, clamando pelo melhor desta terra.

Que valor há nestas coisas? o que podemos dar em resgate de nossas almas? O que podemos fazer?

Jesus Cristo já nos deu o maior bem, a maior posse, o melhor não só desta terra mas da eternidade, a salvação.

Nesta semana vamos repensar nossas vidas e nossos desejos,  viver como zumbis ou como seres livres para a eternidade. Não sejamos como a criança que deve fazer sua lição de casa e fica presa olhando através da janela os seus amigos brincando e por fim não faz nem uma coisa nem outra.