um menino nos nasceu

Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu, e o principado está sobre os seus ombros, e se chamará o seu nome: Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz.
Isaías 9:6

Não são os presentes, nem os enfeites, nem o suposto “espírito natalino”, nem os sorrisos entre as pessoas, nada disso tem significado verdadeiro, mas a palavra do SENHOR tem. O que todos nós comemoramos nesta data é o nascimento do nosso Rei, do nosso Senhor, do nosso único Salvador, Jesus Cristo.

Ele não nasceu no dia 25 de dezembro, mas nasceu com o propósito de nos libertar da escravidão do pecado.
Ele ganhou presentes, sim, mas nos deu o maior presente de todos, a vida eterna. Ele não teve uma cama ou berço adornada de enfeites, nasceu e ninguém o aceitou, foi necessário ficar num estabulo, mas garantiu para todos nós um lugar especial na eternidade.

Acima de tudo ensinou que o amor ao próximo deve ultrapassar barreiras, crendices, costumes e línguas, nos ensinou que devemos ser como o samaritano que socorreu um “desconhecido”.

Então neste período natalino, acredite no que quiser, mas não duvide que a salvação só vem através de Jesus Cristo pela fé, naquilo que nossos olhos não podem ver.

A todos boas festas.