o meu pecado

A espera - o meu pecadoConfessei-te o meu pecado, e a minha maldade não encobri. Dizia eu: Confessarei ao Senhor as minhas transgressões; e tu perdoaste a maldade do meu pecado. (Selá.) Salmos 32:5

 

Nos esquecemos tão facilmente do caminho correto, aceitamos o suborno, fechamos os nossos olhos ao erro, quem estará ganhando com isso? Não será o mal? Quem esta oculto nas trevas? Não será o pai de toda mentira?

Será que somos filhos insensatos que esquecem dos presentes do Pai, trocando brilhantes por bijuterias baratas? Trocamos vida eterna por morte?

Ainda há tempo, de reconhecermos o nosso erro, a maldade, o pecado, e confessarmos ao SENHOR.

Boa semana a todos.